Busca avançada

Profissional Ágil nos Testes de Software

quinta-feira, 26 de abril de 2018 por Thiago Stocco
Profissional Ágil nos Testes de Software

Se tratando de testes de software, muitas vezes ouvimos falar no termo “Teste Ágil” ou “Agile Testing” nos vocabulários técnicos.


Mas, o que significa isso?


Antes de qualquer coisa, é importante ressaltar que o Teste Ágil tem como ênfase testes automatizados, porém não está descartada a ideia de testes manuais estarem inclusos no processo, muito pelo contrário, o teste manual pode ser considerado, e é muito útil, pois alguns estudos já comprovaram que testes manuais dão mais resultados que testes automatizados em se tratando de “Encontrar BUGs no sistema”, isso porque no momento dos testes, o analista sempre acaba lembrando algo diferente que pode ser essencial para mostrar o devido problema.

 
Vamos deixar claro que o teste automatizado perfeito, é o teste que vai testar parte do sistema, pensar que o teste automatizado conseguirá testar 100% do sistema, é ilusão.


Resumidamente, o Teste Ágil significa um “conjunto de procedimentos ou técnicas utilizadas por profissionais de teste para garantir que o produto que está sendo especificado e desenvolvido vai atender todas as expectativas do cliente, entregando o que foi prometido”.


Para tudo isso você precisa SIM ser um profissional que participa do time Ágil, ou seja, um profissional que colabora com todos os procedimentos da empresa e do time de desenvolvimento. Que entende e tem bons conhecimentos técnicos para colaborar com o time, e claro, que tenha um olhar crítico para o sistema, olhando minuciosamente todos os detalhes do produto. Tendo todos esses pontos positivos, você será um profissional auto organizado, e que automaticamente vai estar participando do time ágil.


Então, como ser um profissional de Teste Ágil?


-    Primeiramente, ter domínio da função. Para isso, você deve saber o que é TESTE DE SOFTWARE e diferenciar os inúmeros tipos de testes que existem, os cargos mais conhecidos são “Analista de teste ou Analista de Qualidade”, entre suas variações. Se você não sabe o que é isso, se especialize na área o quanto antes, faça cursos, leia livros como: “Base de Conhecimento para testes de software” ou “A arte do teste de software”.


-    Trabalhe com dimensão de negócio, saiba o básico das operações, do uso do sistema a ser testado e sempre leve em consideração o FOCO na qualidade do produto, sempre fazendo testes de aceitação, e claro, se você trabalha com um time de desenvolvimento, peça sempre a colaboração deles para isso, pois o analista pode trabalhar em conjunto com o time de desenvolvimento, em que os mesmos podem guiar você em casos mais específicos. 


-    Trabalhe com dimensão técnica, ou seja, se possível trabalhe para garantir um código limpo, um sistema com padrões de qualidade. Em um time ágil todos podem exercer um pouco de cada função, função de analista, desenvolvedor, engenheiro, entre outros, assim podemos garantir sempre boas práticas. Trabalhando em equipe, normalmente são feitos os testes de performance para rastrear possíveis melhorias no sistema.


-   Invista um pouco mais em DevOps, pense que uma hora ou outra você pode perder o que está sendo feito, todo o seu ambiente de testes ou seus casos de testes podem ser corrompidos, então não economize nesse momento, pois pode ser tarde demais.


-    E o passo mais importante de todos, MANTER O TIME FOCADO E ORGANIZADO para a entrega do produto final.
De valor ao local de trabalho e time onde você se sente útil, que tenha voz ativa e que você se sinta confortável em dar ideias para melhorar sempre o processo, isso faz parte da rotina de um Agile Tester.
 

Compartilhar

Thiago Stocco
Autor
Thiago Stocco

A mais de 11 anos atuando na área de tecnologia da informação; Certificado de conquista Microsoft Administering, Querying e Developing SQL server 2014; Profissões anteriores atuadas como design digital; Algumas participações em cursos de técnicas e projetos de casos de testes; Amplo conhecimento em testes de software, trabalhou durante 7 anos na empresa Nox Automação, atuando como analista de testes sênior onde era responsável pela homologação de um sistema de grande porte para atender clientes do brasil todo. Trabalhou como Analista de testes na Prime Control – Expert em testes de software fazendo homologações de Sistemas Bematech e Linx. Atualmente Líder de testes na Nox Automação.