Busca avançada

5º RecrutaTech: Fazendo a Gameficação Direito

terça-feira, 20 de agosto de 2019 por Yasmin Coelho de Santana
5º RecrutaTech: Fazendo a Gameficação Direito

Hoje é dia de mais uma entrevista com palestrante do 5º RecrutaTech! E o tema hoje é queridinho de muita gente: Você gosta de jogar? Então vem saber um pouco mais sobre o processo de gameficação, que tem ganhado...

Hoje é dia de mais uma entrevista com palestrante do 5º RecrutaTech! E o tema hoje é queridinho de muita gente: Você gosta de jogar? Então vem saber um pouco mais sobre o processo de gameficação, que tem ganhado muito espaço e pode ser implementado na interação com o seu cliente e/ou com o seus colaboradores, por exemplo. 

O papo de hojé é com o Rafael Lagos, também conhecido como Colono. Game designer, professor e consultor em gameficação, o Rafael fará parte da trilha de Empreendedorismo:

- Como você conheceu o portal Curitiba TI e o RecrutaTech?

Conheci o portal e o evento através de networking

- Como você enxerga a importância do evento para o público que deseja participar?

É sempre bom ouvir outras ideias, conversar com pessoas diferentes. Aprender nunca é demais ;)

- Falando um pouco mais sobre a sua palestra, você pode dar um pequeno spoiler dela?

Minha palestra surgiu de um congresso que estive em janeiro, na Espanha. Lá, diversas ideias fantásticas, mas, olhando pelo meu background em game design e gamificação, vi que se estas pessoas tivessem o auxílio de  um profissional, o projeto delas poderia estar em um patamar absurdamente maior do que já estavam. Conhecer algumas técnicas de game design pode ajudar horrores na hora de gamificar e aplicar jogos na sala de aula, negócios, clientes, etc. Por isto o título: Fazendo a Gamificação Direito

- Para empresas que estão querendo começar um processo de gameficação para estimular o time, que conselho você daria para ela começar?

Primeiramente, dê uma estudada na literatura, ampla, disponível. Tem muita gente boa escrevendo sobre isto por ai. Segundo, se preferir, se consulte com alguem que saiba sobre esta área. Existem empresas pelo mundo, e aqui em Curitiba também, que podem dar uma luz e um norte no processo de gamificação para ele ser, principalmente, assertivo nos objetivos almejados. Poupa aquela frustração (e recursos financeiros até) pois você vai ter certeza que o treco foi bem feito e com respaldo decente. 

- Já para os clientes, você tem alguma dica de como envolver a gameficação junto à experiência do usuário, dentro de aplicações web ou mobile?

Novamente, saber qual o objetivo que se quer com a gamificação. Engajamento do seu usuário? Ela faz. Aumentar fidelidade? Milhagem tá aí para dizer que ajuda muito. Interação diferente com o seu usuário? Melhor ainda! Vai que é sua! 

- Que conselho você pode dar para o pessoal que está indeciso sobre participar do evento?

Por que estão indecisos ainda? Tem um monte de gente louca para dar um pouco de conhecimento para vcs, só vem! :)

- E pra quem já está inscrito no evento, você tem alguma dica do que o pessoal deve fazer lá dentro?

Ai é o que eu gosto de fazer: Olho tudo que tem, priorizo os temas mais interessantes para mim e vou escolhendo as melhores palestras.... O pior é quando não dá para ver tudo! (T.T)

Ficou interessado em aprender mais sobre gameficação? Então corre se inscrever antes que as vagas acabem! Já estamos no 3º lote e último lote e como incentivo para você se inscrever no evento logo tem um descontinho especial: http://bit.ly/RecrutaTechBlog #vemprorecrutatech

Compartilhar

Yasmin Coelho de Santana
Autor
Yasmin Coelho de Santana

É formada em Comunicação Organizacional pela UTFPR e trabalha com Comunicação e Marketing no Portal Curitiba TI, onde tem descoberto a cada dia uma crescente paixão pela área de tecnologia.